Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.udesc.br/tede/tede/2591
metadata.dc.type: Dissertação
Title: Redimidos pelo passado? seduções nostálgicas em uma cidade contemporânea (Joinville - 1997-2008)
Other Titles: Redeemed by the past? nostalgic seductions in a contemporany city (Joinville - 1997-2008)
metadata.dc.creator: Machado, Diego Finder
metadata.dc.contributor.advisor1: Campos, Emerson César de
metadata.dc.description.resumo: Este trabalho busca compreender, em forma de ensaios, as maneiras pelas quais os habitantes das cidades contemporâneas se relacionam com o tempo passado, procurando reconhecer, na ordinariedade do cotidiano vivido e experimentado, as implicações de um fenômeno denominado por alguns teóricos como cultura de memória . Ambientado nas trajetórias da cidade de Joinville (Santa Catarina) entre os anos finais do século XX e início do XXI, os ensaios apresentados tomaram as comemorações do Sesquicentenário desta cidade como ponto de partida na busca pela interpretação de processos recentes que têm alterado os modos urbanos de viver, tais como a crescente instabilidade do tempo e as fraturas do espaço vivido. No primeiro ensaio, as novas sensibilidades em relação ao passado da cidade de Joinville foram postas em questão. Contrapondo diversos documentos, com destaque para algumas notícias, matérias, editoriais e crônicas publicadas em periódicos locais, procurou-se perceber as relações dos habitantes desta cidade com o tempo. Já no segundo ensaio, o enfoque recaiu sobre os processos de (re)delineamento das fronteiras étnicas que cindem o cotidiano da cidade de Joinville, procurando desvendar os limites e possibilidades de falas que a classificam como uma cidade cosmopolita . Atento às distintas trajetórias de dois grupos étnicos que passaram a afirmar, em anos recentes, uma singularidade própria na cidade os suíços e os italianos , procurou-se apresentar as negociações, geralmente tensas, que permearam os bastidores das comemorações dos 150 anos de Joinville. Narrativas orais, produzidas a partir de entrevistas com lideranças culturais que representam estes grupos, foram costuradas às demais fontes que fundamentam este trabalho, em especial, algumas práticas de monumentalização de memórias. Ao fim do texto, algumas dissonâncias que marcaram o processo de pesquisa são apresentadas, propondo algumas problemáticas, apenas tocadas ao longo dos ensaios, que merecem estudos mais aprofundados
Abstract: This work intends to understand, in an essay form, the ways that the inhabitants of the contemporary cities relate themselves with the past, recognizing, in the simplicity of the experienced and tried daily life, the implications of a phenomenon nominated by some theorists as culture of memory . Takes place in the city of Joinville (Santa Catarina) s trajectory between the end of the twentieth century and the beginning of the twentieth first century, the essays presented took the 150th anniversary of this town as beginning in the search for interpretation of the recent processes that have been changing the urban ways of live, as the growing instability of time and the fractures of the living space. In the first essay, the new sensibilities related to the past in the city of Joinville were put in discussion. Going against several documents, with emphasis for some news, reports, editorials and chronicles published in local journals, the intention was to perceive the relations of the inhabitants of this city with the time. In the second essay, the focus were the processes of (re)delineation of the ethnical boundaries that divide Joinville s daily life, trying to discovery the limits and possibilities of speeches that classified this town as a cosmopolitan city . Intent to the distinct trajectories of two ethnical groups that established, in recent years, their own characteristics in the city the Swiss and the Italian the intention was to present the negotiations, usually tense, that happened in the backstage of the 150th anniversary of Joinville. Oral speeches, produced from interviews with cultural leaders that represent both groups, were connected to the other references that based this work, especially, some practices to give memories a monumental aspect. At the end, some discords that were present in the process of research are presented, proposing some questions, just mentioned in the essays, which deserve more profound studies.
Keywords: Cidade contemporânea
Cultura de memória
Comemoração
Etnicidade
Cidades
Joinville (SC)
Cultura e civilização
Memória coletiva
Etnicismo
Contemporary city
Culture of memory
Celebration
Ethnicity
Joinville
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::HISTORIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade do Estado de Santa Catarina
metadata.dc.publisher.initials: UDESC
metadata.dc.publisher.department: História
metadata.dc.publisher.program: Mestrado em História
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: http://tede.udesc.br/handle/handle/2591
Issue Date: 26-Feb-2009
Appears in Collections:Mestrado em História

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DiegoFinder.pdf4,57 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.