Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.udesc.br/tede/tede/1899
metadata.dc.type: Dissertação
Title: Estabelecimento da vegetação arbórea em uma Área de Preservação Permanente em processo de restauração em Santa Catarina
Other Titles: Tree vegetation establishment in a permanent preservation area in restoration process in Santa Catarina
metadata.dc.creator: Rech, Carla Carolina Chini
metadata.dc.contributor.advisor1: Silva, Ana Carolina da
metadata.dc.description.resumo: Atualmente inúmeras estratégias têm sido aplicadas no processo de restauração florestal, sendo que o monitoramento e a avaliação das áreas restauradas são etapas fundamentais para verificar se as práticas adotadas realmente possibilitaram a recuperação do ecossistema. Assim, o objetivo do trabalho foi avaliar a restauração florestal por meio da verificação do estabelecimento da vegetação arbórea em uma APP degradada em Pouso Redondo, SC, seis anos após o plantio de mudas e proteção da área. No primeiro capítulo foram determinadas as mudanças de riqueza de espécie, e no segundo capítulo objetivou-se comparar a estrutura do componente arbóreo adulto e jovem dessa floresta. Para isso, foi realizado um censo para inventariar as árvores adultas (DAP &#8805; 5 cm), sendo a área dividida em 82 parcelas de 100 m2 cada, onde as árvores foram identificadas e mensuradas (DAP e altura). Para o inventário das árvores jovens (indivíduos arbóreos com mais de 1m de altura e DAP < 5 cm), as parcelas foram divididas em sub-parcelas de 25 m2, nas quais todos os indivíduos foram identificados e mensurados (altura). A partir da relação das espécies plantadas inicialmente, foi quantificado a variação da riqueza que ocorreu por meio do estabelecimento natural de novas espécies. Foram determinadas as síndromes de dispersão de propágulos e as guildas de regeneração das espécies encontradas. A composição florístico-estrutural dos componentes adulto e jovem foi analisada por meio de uma NMDS (Nonmetric Multidimensional Scaling), pelas estimativas fitossociológicas dos componentes e pelas distribuições dos diâmetros e alturas. Foram encontrados 918 indivíduos pertencentes a 73 espécies, sendo que 48 não correspondem àquelas que foram plantadas em 2007. A maioria das espécies encontradas foi classificada como zoocórica (71,2%) e clímax exigente de luz (54,8%). Os dois componentes apresentaram segregação na ordenação produzida pela NMDS,. Na análise fitossociológica, foram encontradas Baccharis semiserrata DC. e Casearia sylvestris Sw. como as espécies com maiores VI (valor de importância) e IRN (índice de regeneração natural), respectivamente. A distribuição diamétrica do componente adulto demonstrou padrão J invertido e a distribuição em altura dos componentes adulto e jovem obteve maior número de indivíduos nas classes menores. Conclui-se que após seis anos, o processo de restauração foi caracterizado pela tendência do aumento da riqueza e da substituição de espécies iniciais por tardias, indicando a relevância do mecanismo de regeneração natural. Os resultados sugerem que a área de estudo encontra-se em processo de sucessão ecológica em estágio inicial, sem fatores impeditivos para o estabelecimento de indivíduos jovens, o que sugere elevada resiliência para o restabelecimento da vegetação
Abstract: Currently, several strategies have been employed in forest restoration process, being monitoring and evaluation of the restored areas key steps to verify if the practices actually allowed the recovery of the ecosystem. The objective of the study was to evaluate forest restoration by verifying the establishment of woody vegetation in a degraded APP in Pouso Redondo, SC, six years after sapling plantation and protection of the area. In the first chapter, the changing in tree species richness was determined; and in the second chapter, the structure of the adult and juvenile component was compared. For this, a census was conducted to inventory the adult trees (dbh &#8805; 5 cm), being the area subdivided in 82 100 m2 plots, where all trees were identified and measured (dbh and height). For the survey of juvenile tree species (trees higher than 1 m height and dbh < 5 cm), the plots were subdivided in 25 m2 sub-plots, where all individuals were identified and measured (height). The variation in richness that occurred due to natural establishment of new species was obtained using the list of species initially planted. The dispersal syndromes and regeneration guilds were determined for the found species. The analyze of the floristic-structural composition of adult and juvenile components were conducted through NMDS (Nonmetric Multidimensional Scaling), phytosociological estimatives of components and distribution of individuals in diametric and height classes. A total of 918 individuals belonging to 73 species were found. From this list, 48 species 48 does not correspond to those that were planted in 2007. Most species were classified as zoocoric (71.2%) and light demanding species (54.8%). Both component showed segretation in the ordination produced by the NMDS. In the phytosociological analysis, Baccharis semiserrata DC. and Casearia sylvestris Sw. presented the highest IV (importance value) and (NRI) (natural regeneration index), respectively. The adult distribution of individuals in diametric classes showed an inverted j pattern and the distribution of adults and juveniles in height classes indicated a greater number of individuals in smaller classes. We conclude that after six years, the process of restoration was characterized by the trend of richness increment and tree species turnover where initial species are being replaced by late successional ones, indicating the relevance of natural regeneration mechanism. The results suggest that the study area is found in an initial stage of ecological succession process, without impeditive factors for the establishment of juvenile individuals, that suggest an elevated resilience for vegetation re-establishment
Keywords: regeneração natural
sucessão ecológica
NMDS
distribuição diamétrica
distribuição hipsométrica
natural regeneration
ecological succession
NMDS
diametric distribution
hipsometric distribution
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade do Estado de Santa Catarina
metadata.dc.publisher.initials: UDESC
metadata.dc.publisher.department: Engenharia Florestal
metadata.dc.publisher.program: Mestrado em Engenharia Florestal
Citation: RECH, Carla Carolina Chini. Tree vegetation establishment in a permanent preservation area in restoration process in Santa Catarina. 2014. 4 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Florestal) - Universidade do Estado de Santa Catarina, Lages, 2014.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: http://tede.udesc.br/handle/handle/1899
Issue Date: 10-Jun-2014
Appears in Collections:Mestrado em Engenharia Florestal

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
PGEF14MA021.pdf201,42 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.