Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.udesc.br/tede/tede/1408
metadata.dc.type: Dissertação
Title: Ponto ideal de colheita e métodos de armazenagem para maçãs M-15/07
Other Titles: The optimum harvest dates and storage methods for apples M-15/07
metadata.dc.creator: Magrin, Fernanda Pelizzari
metadata.dc.contributor.advisor1: Argenta, Luiz Carlos
metadata.dc.description.resumo: A qualidade de maçãs no ponto de consumo varia em função da interação entre o estádio de maturação na colheita e o uso adequado de tecnologias de armazenagem. Em função disso, o ponto ideal de colheita e as tecnologias mais adequadas para atingir a máxima qualidade de maçãs na colheita e após a armazenagem devem ser estabelecidos antes do lançamento de novas cultivares. Através do melhoramento genético a Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina (EPAGRI) lançou diversas cultivares e outras estão em fase final de avaliação. A M-15/07 é uma dessas seleções em prélançamento, e foi adotada como objeto dos estudos. Foram realizados dois experimentos independentes. O primeiro objetivou a determinação dos índices de maturação visando o ponto ideal de colheita de maçãs M-15/07 destinadas para a armazenagem refrigerada sob atmosfera controlada (AC) por longos períodos. Os frutos foram colhidos, semanalmente, no período de 121 a 153 DAPF (dias após a plena floração). Os frutos foram armazenados por sete meses em AC (1,5 kPa de O2 e 1,5 kPa de CO2, temperatura 0,7±0,5º C e umidade relativa do ar de 93±3 %), e avaliados no dia seguinte a cada colheita e no final da armazenagem, após um e sete dias em condição ambiente. O segundo experimento teve como objetivo a determinação do método e do potencial de armazenagem dos frutos da seleção M-15/07 em diferentes condições. Os frutos, colhidos em uma única data, foram tratados ou não com 1- metilciclopropeno (1-MCP) e armazenados em atmosfera do ar (AA; temperatura de 0,5±0,5º C e umidade relativa do ar de 85±5 %) ou em atmosfera controlada (AC; 1,5 kPa de O2 e 1,5 kPa de CO2, temperatura de 0,7±0,5º C e umidade relativa do ar de 93±3 %). Os frutos foram analisados após 85, 142, 204 e 270 dias de armazenagem, seguido de sete dias a 20º C. De acordo com o primeiro experimento, o ponto ideal de colheita de maçãs M-15/07 armazenadas por longos períodos em AC ocorreu entre 121 e 138 DAPF. Os índices de maturação para esse período variaram de 18,3 a 17,2 lb (81,4-76,5 N) para firmeza, de 11,7 a 12,8 % para sólidos solúveis, de 0,301 a 0,259 % para acidez titulável, de 4,7 a 8,2 para índice de amido e de 2,2 a 2,7 para cor de fundo da epiderme. De acordo com o segundo experimento, as maçãs M-15/07 , quando em armazenagem refrigerada sob atmosfera do ar (AA) apresentaram menor conservação e menor manutenção da qualidade, uma vez que a taxa respiratória e de produção de etileno nessa situação mostrou-se elevada, e os parâmetros de qualidade de fruto, como a firmeza de polpa, a acidez titulável, e os teores de sólidos solúveis foram menores diante dos demais tratamentos, associado à cor de fundo da epiderme mais amarelada. Os frutos da seleção M-15/07 armazenados em AA ou em armazenagem refrigerada sob atmosfera controlada (AC) tratados com 1-MCP e frutos armazenados em AC não tratados com 1-MCP apresentaram menores taxas respiratória e de produção de etileno, e maiores teores de AT e SS. O uso do 1-MCP foi benéfico para a manutenção da firmeza de polpa dos frutos da seleção de macieira M-15/07 . Os distúrbios e podridões, de maneira geral, foram verificados após 270 dias de armazenagem, sendo esse o limite de tempo recomendado para o armazenamento de maçãs M-15/07
Abstract: The quality of apples at the point of consumption varies according to the interaction between the maturity stage at harvest and the proper use of storage technologies. As a result, the ideal harvest and the most appropriate technologies for maximum quality apples at harvest and after storage should be established before the release of new cultivars. Through breeding Agricultural Research and Rural Extension Company of Santa Catarina (EPAGRI) launched several cultivars and others selections are in the final evaluation. The M-15/07 is one of these selections at pre-release and it was used as subject of this study. Two independent experiments were performed. The first was realized looking for to determine the maturation indices at the ideal point of harvest of apples M-15/07 destined for cold storage during long periods under controlled atmosphere (CA). The fruits were harvested weekly at 121 to 153 DAFB (days after full bloom). These fruits were stored for seven months at CA (1,5 kPa O2 and 1,5 kPa CO2, temperature of 0,7±0,5º C and relative humidity of 93±3 %), and the fruit quality characters were evaluated at the day after each collection and at the end of storage, after one and seven days at ambient conditions. The second experiment was realized aiming to determine the method and the storage potential of the apples M-15/07 in different conditions. The fruits were harvested on a single date, and they were or not treated with 1- methylcyclopropene (1-MCP), and then stored in atmosphere of air (AA; temperature of 0,5±0,5º C and relative humidity of 85±5 %) or controlled atmosphere (CA; 1,5 kPa O2 and 1,5 kPa CO2, temperature of 0,7±0,5º C and relative humidity of 93±3 %). The fruits were analyzed after 85, 142, 204 and 270 days of storage, followed by seven days at 20º C. According to the first experiment, the optimal harvesting point of apples M- 15/07 stored for long periods at CA occurred between 121 and 138 DAFB. Maturity indices for this period ranged from 18,3 to 17,2 lb (81,4 to 76,5 N) for firmness, 11,7 to 12,8 % for soluble solids, 0,301 to 0,259 % for titratable acidity (TA), 4,7 to 8,2 for starch content, and 2,2 to 2,7 for the epidermis background color. According to the second experiment, apples M-15/07 , when in cold storage under an atmosphere of air (AA) have presented lower maintenance of quality, since the respiratory and ethylene production rate in this situation was quite high and the fruit quality parameters, such as firmness pulp, titratable acidity, and soluble solids, were lower before the other treatments, associated with the background color more yellowish skin. The fruits of selection M-15/07 were treated with 1-MCP and storage in AA or in cold storage under controlled atmosphere (CA) or storage in CA without 1-MCP treatment, presented lower respiratory ethylene production rates and higher TA and SS content. The use of 1-MCP was beneficial for maintaining the firmness of the apples M- 15/07 . The disorders and diseases, in general, were checked after 270 days of storage, considered the limited period of storage for apples M-15/07 in this study
Keywords: Malus domestica Borkh
maturação
armazenamento
pós-colheita
qualidade
Malus domestica Borkh
maturity
storage
postharvest
quality
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade do Estado de Santa Catarina
metadata.dc.publisher.initials: UDESC
metadata.dc.publisher.department: Produção Vegetal
metadata.dc.publisher.program: Mestrado em Produção Vegetal
Citation: MAGRIN, Fernanda Pelizzari. The optimum harvest dates and storage methods for apples M-15/07 . 2015. 113 f. Dissertação (Mestrado em Produção Vegetal) - Universidade do Estado de Santa Catarina, Lages, 2015.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: http://tede.udesc.br/handle/handle/1408
Issue Date: 29-May-2015
Appears in Collections:Mestrado em Produção Vegetal

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
PGPV15MA167.pdf1,9 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.