Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.udesc.br/tede/tede/1179
metadata.dc.type: Dissertação
Title: O teatro na voz operária : grupo teatral cultura social e o anarquismo em Pelotas - seus operários e suas palavras
Other Titles: The theater in the worker s voice: Grupo Teatral Cultura Social and the anarchism in Pelotas - his workers and his words.
metadata.dc.creator: Miranda, Cássia Ferreira
metadata.dc.contributor.advisor1: Collaço, Vera Regina Martins
metadata.dc.description.resumo: O presente trabalho tem como objetivo abordar o uso do teatro pelas classes trabalhadoras na década de 1910, na cidade de Pelotas. O teatro operário, em sua maior parte anarquista, foi utilizado com significativa frequência nesse período, servindo para o congraçamento da classe operária e para a propagação dos ideais libertários. A opção por esse recorte histórico se dá pela projeção que teve, nesses anos, o Grupo Teatral Cultura Social, sediado na Liga Operária de Pelotas. Esse Grupo se destaca pela sua intensa atuação, noticiada nos jornais do período, com uma significativa produção de textos teatrais anarquistas, realizada por operários que militavam na cidade de Pelotas. Nesta dissertação apresenta-se um panorama da efervescência anarquista na Liga Operária de Pelotas e uma análise da produção dramatúrgica do Grupo Teatral Cultura Social, os principais envolvidos, os gêneros encenados e as apresentações que ocorreram ao longo da década de 1910. Por fim, é realizada uma análise da produção literária e dramatúrgica do operário Santos Barbosa que possibilitam um olhar diferenciado sobre a cultura operária anarquista.
Abstract: This work s aim is approach the use of the theater made by the working classes in the 1910s, in the city of Pelotas. The working theater, by the most part anarchist, was used very often during this period, serving to the reconciliation of the working class and to the dissemination of libertarian ideals. This historical period have been chosen in virtue of the projection that in those years the Grupo Teatral Cultura Social, based in the Liga Operária de Pelotas. This group distinguishes itself by his intense action, reported in the newspapers of the period, with a significant production of anarchist theater writings, made by the workers who were active in the city of Pelotas. This dissertation presents a panorama of the anarchist lively activity in the Liga Operária de Pelotas and an analysis of the dramaturgical creation of the Grupo Teatral Cultura Social, the most important involved, the staged genres and the presentations that occurred throughout the 1910s. Ultimately, is developed an analysis of the literary and dramaturgical creation of the worker Santos Barbosa, including his dialogues, stories and a dramatic prologue that provides a different view of the anarchist working class culture.
Keywords: Teatro
Anarquismo e anarquistas
Teatro Operário
Produção Literária Anarquista
Grupo Teatral Cultura Social
Working Theater
Anarchist Literary Creation
Grupo Teatral
Cultura Social
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::ARTES::TEATRO
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade do Estado de Santa Catarina
metadata.dc.publisher.initials: UDESC
metadata.dc.publisher.department: Teatro
metadata.dc.publisher.program: Mestrado em Teatro
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: http://tede.udesc.br/handle/handle/1179
Issue Date: 7-Mar-2014
Appears in Collections:Mestrado em Teatro

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
115723.pdf4,26 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.