Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.udesc.br/tede/tede/1165
metadata.dc.type: Dissertação
Title: O texto que nasce do corpo: relações entre escrita e oralidade na construção do texto teatral
Other Titles: The text that comes from the body: literacy-orality relations in the making of theatrical text
metadata.dc.creator: Silveira, Patrícia dos Santos
metadata.dc.contributor.advisor1: Baümgartel, Stephan Arnulf
metadata.dc.description.resumo: O presente trabalho discute a relacao entre escrita e oralidade na criacao de dramaturgia. Analisa as caracteristicas especificas de cada modo de utilizar a linguagem verbal, questionando os paradigmas estabelecidos nas formas de entender o texto teatral. Para isso, questiona o tratamento dado as criacoes orais dos atores em situacoes nas quais nao contam com um texto escrito em sua origem para a construcao do texto verbal. Entende que a escrita constitui uma forma de tecnologia para construcao textual surgida ao longo da historia e que, nesse sentido, nao da conta da totalidade da experiencia com a linguagem verbal em sua totalidade. O objetivo e recolocar a criacao oral do ator sob outro ponto de vista, entendendo suas caracteristicas a partir da discussao sobre a oralidade e colaborar, desse modo, para uma melhor utilizacao desse recurso em processos que o utilizem para a construcao do texto final ou texto espetacular. Os principais teoricos utilizados foram Walter Ong, que estuda as relacoes paradigmaticas entre escrita e oralidade, as quais, segundo ele, representam formas mentais e culturais distintas de relacionar-se com a linguagem verbal, o que conduz a procedimentos de criacao verbal e caracteristicas especificas para cada forma de textualidade; e Paul Zumthor, o qual reflete sobre essas diferencas no campo da arte, entendendo que a criacao essencialmente oral pressupoe construcao verbal e performance vocal na mesma instancia de criacao, dando-se, no caso da improvisacao, no mesmo tempo e espaco da performance. A metodologia utilizada foi o levantamento e analise de fontes bibliográficas sobre escrita, oralidade e o texto no teatro, o acompanhamento dos ensaios e realizacao de entrevistas com um grupo teatral que baseia seu processo de construcao de dramaturgia na improvisacao do ator (Grupo teatral UTA Usina do Trabalho do Ator, da cidade de Porto Alegre); e descricao e analise de exercicios de improvisacao, desenvolvidos numa experiencia pratica realizada durante a pesquisa, para a construcao de dramaturgia. A partir dos dados observados e da pratica desenvolvida, inicialmente, foi possivel perceber que a escrita e a oralidade possuem formas distintas de serem experienciadas e produzidas pelo ator, o que reflete em certas diferencas na construcao do texto teatral. Essas diferencas, mais do que determinarem resultados, referem-se a aspectos do processo de construcao do texto verbal, modo como ele pode ser contextualizado e, consequentemente, experienciado enquanto obra teatral. Contudo, essas questoes ainda nao sao completamente reconhecidas pela teoria do texto teatral, a qual oferece um entendimento sobre o signo linguistico no teatro como algo essencialmente ligado ao fenomeno da escrita. Alem disso, foi visto que uma dramaturgia criada oralmente, sem a utilizacao da escrita enquanto tecnica de composicao textual, tende a colocar corpo e palavra como suportes um do outro, construindo uma unidade criativa para o ator. Esta criacao verbal parte de uma relacao signica constituida de todos os elementos teatrais envolvidos na elaboracao cenica e, por isso, apenas nesse contexto pode assumir valor estetico e formal de obra teatral. O reconhecimento das caracteristicas e das diferencas entre escrita e oralidade na elaboracao do texto de teatro pode orientar novas buscas para a construcao de dramaturgia a partir do trabalho do ator, assim como trazer novas luzes ao papel do signo linguistico no evento teatral, amparando-se, para isso, na problematizacao e na criacao de novos olhares sobre a relacao entre corpo e palavra
Keywords: Dramaturgia
Oralidade
Escrita
Ator
Improvisação
Grupo teatral UTA
Dramaturgy
Orality
Writing
Actor
Improvisation
UTA Theater Group
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::ARTES::TEATRO
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade do Estado de Santa Catarina
metadata.dc.publisher.initials: UDESC
metadata.dc.publisher.department: Teatro
metadata.dc.publisher.program: Mestrado em Teatro
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: http://tede.udesc.br/handle/handle/1165
Issue Date: 12-Mar-2012
Appears in Collections:Mestrado em Teatro

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
PATRiCIASILVEIRA.pdf874,76 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.