Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://tede.udesc.br/tede/tede/1024
Tipo: Dissertação
Título: Avaliação do desenvolvimento neuropsicomotor de crianças entre 06 e 24 meses de creches de Florianópolis - SC
Autor(es): Souza, Janaina Medeiros de
Primeiro Orientador: Rosa Neto, Francisco
Resumo: O objetivo deste estudo foi avaliar o desenvolvimento neuropsicomotor e descrever aspectos biossociais de crianças entre 06 e 24 meses de creches públicas, analisando as diferenças em relação ao sexo e às faixas etárias. Trata-se de uma pesquisa descritiva diagnóstica, de 221 crianças matriculadas nas turmas de berçário, de 14 creches municipais de Florianópolis (selecionadas de forma probabilística), realizada no período de julho a dezembro de 2002. As crianças foram avaliadas através da Escala de Desenvolvimento Psicomotor da Primeira Infância de Brunet e Lézine (1981), obtendo-se suas idades (IDs) e quocientes de desenvolvimento (QDs) global e nas áreas postural, oculomotriz, da linguagem e social. Também como instrumento, foi utilizado um questionário direcionado aos pais, para coleta de informações sobre idade, profissão e escolaridade dos mesmos, renda familiar, condições de moradia, intercorrências pré, peri e pós-natais, além de peso e estatura ao nascimento e desenvolvimento evolutivo das crianças. Desenvolveu-se especialmente para o estudo um software que calcula, registra um perfil e forma um banco de dados dos resultados obtidos nos testes, intitulado SIMODE. Para a análise dos dados foi utilizado o programa estatístico EPINFO, versão 6.0: empregou-se estatística descritiva (média, desvio-padrão, mediana, variância, quartis e valores extremos) para as variáveis dos testes e do questionário e estatística inferencial (Teste t de Student, ANOVA e testes não-paramétricos de Mann- Whitney e de Kruskall-Wallis) para comparação em relação ao sexo e por faixas etárias (06 aos 12, 12 aos 18 e 18 a 24 meses de idade). As informações dos questionários não contemplaram a totalidade da amostra, mas foi possível constatar que se tratam em grande parte de famílias de baixo rendimento sócio-econômico, porém as mães possuem uma rede de apoio comunitária e familiar aceitável e cujos filhos não tiveram problemas graves de saúde. Os resultados demonstraram que o desenvolvimento médio das crianças da amostra encontra-se praticamente apropriado as suas idades nas áreas postural (QDP=106,7), oculomotriz (QDC=96,6), social (QDS=94,8) e global (QDG=97,8), com ligeiro déficit na área da linguagem (QDL=90,7); porém todos dentro do perfil de normalidade média. Em relação ao sexo, foram encontradas diferenças significativas em prol das meninas no desenvolvimento global (p=0,003), oculomotriz (p=0,0005), da linguagem (p=0,013) e social (p=0,023). Na comparação entre as faixas etárias, as crianças entre 18 e 24 meses são significativamente superiores em relação às demais no desenvolvimento postural (p<0,005) e da linguagem (p=0,0001); sendo que as crianças entre 06 e 12 e entre 12 e 18 meses apresentaram um perfil de normalidade baixa na área da linguagem. Conclui que o ambiente da creche, por oferecer maiores possibilidades de espaço, brinquedos e materiais e contato com outras crianças, em relação ao que é proporcionado na maioria dos lares, parece ter produzido um desenvolvimento adequado nas áreas postural, oculomotriz e social. Entretanto, pensamos que o número reduzido de professoras por aluno possa estar restringindo as interações e estimulação adequadas ao desenvolvimento da linguagem, devido ao necessário, porém exaustivo, trabalho nas rotinas de higiene e alimentação.
Abstract: The objective of this study was to evaluate the neuropsychomotor development and to describe biossocials aspects of the children between 06 and 24 months old on the public day care centers, analysing the differences related to the gender and the age groups. It is a descriptive diagnostic research, of 221 children enrolled on the nursery division, of 14 day care centers at Florianópolis (selected in a probabilistic way), accomplished between July and December of 2002. The children were evaluated using the Brunet and Lézine Scale of Psychomotor Development in First Infancy (1981), obtaining their development ages and their development quotients in different areas as motor, oculomotricity, language and social, besides global. Also as an instrument, it was used a questionnaire for the parents, to collect some informations about their age, occupation and scholarship, how much they earn, the conditions of their houses, disturbance before, during and after birth, height and weight on birth and the children development. It has been developed specifically for this study a software that calculates, record and create a data file with the results obtained on the tests, which is called SIMODE. To analyse the data it was used the statistical software EPINFO 6.0: it was applied descriptive statistics (average, standard deviation, median, variance, quartiles and extreme values) for the tests and questionnaire; for the comparison related to the gender and age group (06 to 12, 12 to 18 and 18 to 24 months old) it was applied inferencial statistics (Student s t test, ANOVA test, Mann-Whitney nonparametrical tests and Kruskall-Wallis test). Some parents didn t answer all the questions on the questionnaire, but it was possible to evidence that a great part of the families have a low income on economical and social areas, however the mothers are supported by acceptable community and familiar net and their children didn t have any serious health problem. The results showed that the average development of the children on the selected group was practically proper to their age on motor area (QDP=106,7), oculomotricity area (QDC=96,6), social area (QDS=94,8) and on global development (QDG=97,8), with a small deficit on the language area (QDL=90,7; however they are all inside a normal average profile. Related to the sex, it was found significant differences in favour of the girls on the global development (p=0,003), oculomotricity area (p=0,0005), language area (p=0,013) and social area (p=0,023). In the comparison related to the age group, the children between 18 and 24 months old are significantly superiors on the motor development area (p<0,005) and on the language development area (p=0,0001); the children in the age group from 06 to 12 months old and from 12 to 18 months old showed a low normality profile at the language area. Conclude that the day care center environment, offers larger spaces, more toys and materials and the possibility of being in touch with many other children when compared to the children s house. It seems that it has produced a proper development on the motor, oculomotricity and social areas. However, we believe that the reduced relation teacher per children group can limit the ideal interaction and stimulations to the language development, due to the necessary, but exhausting, routine on feeding and hygiene of the children.
Palavras-chave: desenvolvimento neuropsicomotor
escala Brunet-Lézine
lactentes
creches
neuropsychomotor development
Brunet-Lézine scale
children
day care centers
CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::EDUCACAO FISICA
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade do Estado de Santa Catarina
Sigla da Instituição: UDESC
metadata.dc.publisher.department: Ciência do Movimento Humano
metadata.dc.publisher.program: Mestrado em Ciências do Movimento Humano
Citação: SOUZA, Janaina Medeiros de. Avaliação do desenvolvimento neuropsicomotor de crianças entre 06 e 24 meses de creches de Florianópolis - SC. 2003. 140 f. Dissertação (Mestrado em Ciência do Movimento Humano) - Universidade do Estado de Santa Catarina, Florianópolis, 2003.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.udesc.br/handle/handle/1024
Data do documento: 21-Ago-2003
Aparece nas coleções:Mestrado em Ciências do Movimento Humano

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Janaina.pdf5,31 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.