Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://tede.udesc.br/handle/handle/969
Tipo do documento: Dissertação
Título: A presença ausente de Cacilda Guimarães: lugares e fazeres (Santa Catarina, 1907-1931)
Autor: Martins, Elizabeth
Primeiro orientador: Silva, Vera Lúcia Gaspar da
Resumo: O presente trabalho tem como objetivo central localizar indícios no estado de Santa Catarina, da atuação profissional da professora paulista Cacilda Rodrigues Guimarães, em especial na Reforma da Instrução Pública, ocorrida neste estado no ano de 1911. A despeito de certo apagamento de sua trajetória no magistério catarinense, as investigações sugerem que sua passagem na educação do estado se fez de maneira bastante efetiva. Cacilda Guimarães qualificou-se como educadora capaz de disseminar o método intuitivo, carro-chefe da reforma de 1911 e teve uma atuação que deixou vestígios em instituições catarinenses e em testemunhos de educadores. Com base em documentos localizados em arquivos públicos dos estados de Santa Catarina e de São Paulo, de que fazem parte leis, decretos, pareceres, termos de posse, bem como em acervos de instituições de ensino, a exemplo da Escola Normal Caetano de Campos, pretendeu-se traçar uma trajetória que se manteve por algum tempo resguardada ou mesmo esquecida. Dentre as prováveis hipóteses para o apagamento da atuação de Cacilda Guimarães, destaca-se sua condição de esposa do reformador, o professor Orestes de Oliveira Guimarães, figura sempre em evidência. A partir dos indícios e fragmentos de sua formação profissional e de sua trajetória em Santa Catarina, buscou-se conferir maior visibilidade a práticas que muitas vezes estiveram à sombra dos grandes nomes do cenário historiográfico. Em termos teóricos a pesquisa está embasada em estudos filiados à história cultural, principalmente na perspectiva de António Viñao Frago. O recorte temporal sofreu recuo em relação ao ano da Reforma da Instrução Pública Catarinense, no intuito de compreender aspectos de sua formação profissional e os primeiros contatos com o estado catarinense, que lhe proporcionaram condições de contratação. Segue-se até 1931, ano do falecimento de Orestes Guimarães, e que marca também o ano no qual se tem a última notícia a respeito da professora
Abstract: This dissertation has as its main objective locate evidences in the state of Santa Catarina, of Cacilda Rodrigues Guimarães professional performance, particularly in the Reform of the Public Instruction, which occurred in this state in the year of 1911. Despite of certain erasure of her trajectory in the magisterium catarinense, the investigations suggest that her passage through the state s education happened in a very effective way. Cacilda Guimarães qualified as an educator capable of conveying the intuitive method, which was the basis of the reform of 1911 and she has a performance that left traces in institutions from Santa Catarina and in educators testimonies. Based on documents located in public archives of the states of Santa Catarina and São Paulo, documents which contain laws, decrees, opinions, property terms, as well on collections of learning institutions, as example of the Normal School Caetano de Campos, the intention was to draw a trajectory that was maintained for some time sheltered or even forgotten. Among the probable hypotheses for the erasure of the Cacilda Guimaraes activities, stands out her condition of the reformer s wife, professor Orestes de Oliveira Guimarães, figure always in evidence. From the evidence and fragments of her professional training and of her trajectory in Santa Catarina, this paper tried to give visibility to the practices that often have been in the shadow of the great names of historiographical scenario. In theoretical terms the research is based on studies affiliated to the cultural history, especially from the perspective of Antonio Viñao Frago. The time cutting has suffered decline in relation to the year of the Reform of Public Instruction in Santa Catarina, in order to understand aspects of her professional training and her first contacts with the state of Santa Catarina, which provided her conditions of employment. It goes until 1931, the year of the death of Orestes Guimarães, and which also marks the year in which appears the last news about the teacher
Palavras-chave: Cacilda Guimarães
Memória docente
História da profissão docente
Trajetória profissional
Reforma educacional
Guimaraes, Cacilda Rodrigues
Educação Santa Catarina
Professores Santa Catarina-História
Cacilda Guimarães
History of the teaching profession
Professional trajectory
Educational reform
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade do Estado de Santa Catarina
Sigla da instituição: UDESC
Departamento: Educação
Programa: Mestrado em Educação
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.udesc.br/handle/handle/969
Data de defesa: 30-Jun-2011
Aparece nas coleções:Mestrado em Educação

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
mestrado.pdf462,34 kBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.