Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://tede.udesc.br/handle/handle/863
Tipo do documento: Dissertação
Título: epidemiologia das doenças entéricas bacterianas em suínos nas diferentes faixas etárias e caracterização fenotipica dos isolados de Escherichia coli
Título(s) alternativo(s): Epidemiology of the enteric bacterial diseases in swine in the different age groups and phenotyoic characterization of isolated of Escheria coli
Autor: Menin, álvaro 
Primeiro orientador: Vaz, Eliana Knackfuss
Resumo: Conhecer as bactérias enteropatogênicas presentes no sistema de produção de suínos é uma importante ferramenta para compreender os desafios sanitários e estabelecer com sucesso programas sanitários voltados ao tratamento, controle e profilaxia. O objetivo deste estudo foi diagnosticar efetivamente o (s) enteropatógeno (s) bacteriano (s) associado (s) a patogênese da enterite nas fases de maternidade, creche, recria e terminação e fazer a caracterização fenotipica e de resistência a antimicrobianos dos isolados de Escherichia coli. Os principais gêneros / espécies de enteropatógenos bacterianos diagnosticados foram Escherichia coli, Clostridium sp., Salmonella sp, Brachyspira hyodysenteriae, Brachyspira pilosicoli e Lawsonia intracellularis. A E. coli foi o enteropatógeno mais frequentemente isolado como agente primário ou de forma associada, dos quadros clínicos de diarréia entre segundo e 81º dias de vida dos leitões. A análise fenotípica dos isolados de E. coli, considerando a faixa etária, revelou que os sorotipos de E. coli potencialmente patogênicos, mais prevalentes até a terceira semana de idade, foram F5/K99 29%, F41 10%, F42 11% e F6/987P 23%, já em leitões com mais de 21 dias, predominaram cepas com fimbrias F4/K88 27%. Utilizando o teste da concentração inibitória mínima (CIM), os maiores índices de resistência foram observados para oxitetraciclina (84%), gentamicina (76,0 %), e menor índice de resistência para ceftiofur (37%) e enrofloxacina (39 %). No teste de resistência a antimicrobianos, por disco difusão, as amostras de Salmonella sp., apresentaram alta sensibilidade à gentamicina (3,5%) amoxicilina (4,8%) e maior resistência a oxitetraciclina (77%), tetraciclina (42,1%)
Abstract: To know the enteropathogenic bacteria present in the production system of swine can be an important tool to understand the sanitary challenges and to establish with success sanitary programs. The objective of this study was to diagnose effectivy enteropathogenic (s) bacterial (s) associate the pathogenese of the enteritis in newborn piglets, postweaning, growing and finish and to do the phenotypic characterization and of resistance the antimicrobials of the isolated of Escherichia coli. The main species of diagnosed bacterial enteropatógenos were Escherichia coli, Clostridium sp., Salmonella sp, Brachyspira hyodysenteriae, Brachyspira pilosicoli and Lawsonia intracellularis. The E. coli it was the bacteria more frequently isolated as primary agent or in an associated, of the diarrhea between second and 81st days of life of the pigs. Analyze the phenotypic of isolated of E. coli, considering the age group, its revealed that the serotypes of E. coli potentially pathogenic, prevalence more until the third week of age, were F5 (K99) 29%, F41 10%, F42 11% and F6 (987P) 23%, already in pigs with more than 21 days, stumps prevailed with fimbrials F4 (K88) 27%. Using the test of CIM, the largest resistance indexes were observed for oxytetracycline (84%), gentamicin (76%), and smaller resistance index for ceftiofur (37%) and enrofloxacin (39%). In the resistance test the antimicrobials, for disk - diffusion, the samples of Salmonella sp., they presented high sensibility to the gentamicin (3,5%) amoxicillin (4,8%) and larger resistance the oxytetracycline (77%), tetracycline (42,1%)
Palavras-chave: suínos
diarréia
enteropatógenos
Escherichia coli
antimicrobianos
swine
diarrhea
enteropatogenic
Escherichia coli
antimicrobials
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::MEDICINA VETERINARIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade do Estado de Santa Catarina
Sigla da instituição: UDESC
Departamento: Ciências Veterinárias
Programa: Mestrado em Ciência Animal
Citação: MENIN, álvaro. Epidemiology of the enteric bacterial diseases in swine in the different age groups and phenotyoic characterization of isolated of Escheria coli. 2007. 74 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Veterinárias) - Universidade do Estado de Santa Catarina, Lages, 2007.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.udesc.br/handle/handle/863
Data de defesa: 28-Fev-2007
Aparece nas coleções:Mestrado em Ciência Animal

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
PGCV07MA015.pdf331,42 kBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.