Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://tede.udesc.br/handle/handle/852
Tipo do documento: Dissertação
Título: Prevalência de Corynebacterium sp. no leite de vacas, sua correlação com o manejo de ordenha e contagem de células somáticas
Título(s) alternativo(s): Prevalence of Corynebacterium sp. in the milk cows, their relationship with milking pratices and somatic cells count
Autor: Dambrós, Dayane 
Primeiro orientador: Vaz, Eliana Knackfuss
Resumo: A mastite bovina é a enfermidade que mais causa prejuízos na pecuária leiteira, reduzindo, significativamente, a produção e qualidade do leite. Um dos agentes causadores da mastite é o Corynebacterium sp., principalmente a espécie Corynebacterium bovis, porém seu papel na infecção intramamária ainda não é definido, pois alguns estudos consideram este agente, um patógeno menor da glândula mamária, sem causar alteração da produção e composição do leite, entretanto outros, constatam a grande capacidade do Corynebacterium sp. em causar mastite, colocando-o como um fator restritivo para o desenvolvimento da atividade leiteira. Conhecer o perfil microbiológico de amostras de leite, a ação específica dos agentes na glândula mamária e seu efeito na qualidade do leite, são de grande relevância em programas de controle da mastite. Este estudo teve como objetivos determinar a prevalência de Corynebacterium sp. no leite de vacas de rebanhos leiteiros localizados em cinco estados brasileiros e, correlacionar a presença deste agente com o manejo de ordenha dos rebanhos e com a contagem de células somáticas do leite do tanque e do leite individual das vacas. Foi realizado um estudo longitudinal, de janeiro de 2010 a julho de 2011, em rebanhos leiteiros localizados nos estados de SC, PR, RS, MG e PE, nos quais foram realizadas quatro coletas (semestrais) de amostras de leite em cada rebanho. Foi aplicado um questionário, em cada propriedade, para obter dados e informações sobre o manejo de ordenha dos rebanhos, como a desinfecção pré e pós-ordenha, secagem dos tetos, que possam influenciar na ocorrência de mastite por Corynebacterium sp. Do total de 4949 amostras de leite analisadas, submetidas a cultura microbiológica, 666 (13,46%) apresentaram isolamento de Corynebacterium sp. Minas Gerais foi o estado que apresentou a maior prevalência deste agente (21,07%) comparado aos demais estados. Os fatores de risco associados ao manejo de ordenha das propriedades, como a desinfecção dos tetos pré e pós-ordenha e o tratamento de vaca seca não apresentaram influência estatística significativa na prevalência de Corynebacterium sp. nas amostras de leite analisadas. O isolamento de Corynebacterium sp nas amostras de leite não afetou a CCS do leite do tanque dos rebanhos, porém no CMT, a presença deste agente causou variações no número de quartos positivos e no grau de escore no respectivo teste. Portanto, Corynebacterium sp. é um agente causador de mastite de grande relevância, não só pela freqüência de isolamento observada no presente estudo, mas também pelo efeito no CMT individual das vacas e consequentemente na CCS do rebanho
Abstract: The bovine mastitis is a disease that causes more losses in dairy farming, significantly reducing the production and milk quality. A causative agent of mastitis is the Corynebacterium sp. , especially the specie Corynebacterium bovis, but their role in intramammary infection is not yet defined, since some studies consider this agent, a minor pathogen of the mammary gland, causing no change in production and composition milk, though others, realize the large capacity of Corynebacterium sp. in causing mastitis, placing it as a risk factor for the development of the activity. Meet the microbiological profile of milk samples, the specific action of the agents in the mammary gland and its effect on milk quality, are of great importance in mastitis control programs. This study aimed to determine the prevalence of Corynebacterium sp. n the milk of cows from dairy herds located in five Brazilian states and to correlate the presence of this agent with the management of the milking herd and the somatic cell count of bulk tank milk and milk of individual cows. We conducted a longitudinal study from January 2010 to July 2011, in dairy herds located in the states of SC, PR, RS, MG and PE, which were performed in four colletions (at six months intervals) of milk samples in each herd. A questionnaire was applied in each farm to obtain data and information on the practices of milking herds, such as teat disinfection and teat drying, which may influence the occurrence of mastitis by Corynebacterium sp. Of the 4949 milk samples analyzed, submitted to microbiological culture, 666 (13,46%) had isolation of Corynebacterium sp. Minas Gerais was the state with the highest pravelence off this agent (21,07%) compared to others states. Risk factors associated with the management of milking, such as teat disinfection before and after milking and dry cow treatment showed no statistically significant influence on the prevalence of Corynebacterium sp. in milk samples analyzed. The isolation of Corynebacterium sp. in milk samples did not affect the SCC of bulk tank milk of the herds, but in the CMT, the presence of this agent caused variations in the number of positive mammary quarters and the degree of score in their test. Therefore Corynebacterium sp. is a causative agent of mastitis of great relevance not only by the frequency of isolation observed in this study, but also by the effect of CMT in individual cows and consequently in the herd SCC
Palavras-chave: mastite bovina
Corynebacterium sp.
contagem de células somáticas
manejo de ordenha
bovine mastitis
Corynebacterium sp.
somatic cell count
milking practices
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::MEDICINA VETERINARIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade do Estado de Santa Catarina
Sigla da instituição: UDESC
Departamento: Ciências Veterinárias
Programa: Mestrado em Ciência Animal
Citação: DAMBRÓS, Dayane. Prevalence of Corynebacterium sp. in the milk cows, their relationship with milking pratices and somatic cells count. 2012. 57 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Veterinárias) - Universidade do Estado de Santa Catarina, Lages, 2012.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.udesc.br/handle/handle/852
Data de defesa: 9-Mar-2012
Aparece nas coleções:Mestrado em Ciência Animal

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
PGCA12MA087.pdf1,12 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.