Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://tede.udesc.br/handle/handle/73
Tipo do documento: Dissertação
Título: Sistema de garantia de direitos da criança e do adolescente como ação pública : uma análise multiescalar no município de Florianópolis
Autor: Gonsalves, Aghata Karoliny Ribeiro 
Primeiro orientador: Andion, Maria Carolina
Resumo: O Brasil é reconhecido por sua avançada legislação referente à garantia de direitos de crianças e adolescentes, porém, essas inovações institucionais parecem não garantir uma transformação efetiva na realidade social, haja vista os inúmeros casos de violação retratados na mídia nacional todos os dias. Neste trabalho, buscamos, analisar a política pública na prática, indo além de uma leitura normativa ou estrutural. Para tanto, analisamos o Sistema de Garantia de Direitos da Criança e do Adolescente (SGDCA) no município de Florianópolis, identificando os aspectos facilitadores e limitadores de inovações sociais. O marco teórico-analítico que fundamentou a pesquisa foi ancorado nos estudos das políticas públicas considerando-a como uma ação pública, a partir da abordagem da Sociologia Pragmática. Além disso, adentramos ao debate das inovações sociais, pois as mesmas são consideradas respostas duradouras capazes de promover a garantia de direitos. Esta pesquisa é de natureza qualitativa e o caminho metodológico concebido e percorrido foi dividido em três escalas de observação e análise: macro, meso e micro. Como resultados da análise macro apresentamos um mapeamento da arena pública da garantia de direitos da criança e do adolescente no Brasil e demonstramos como o problema público da garantia de direitos da criança e do adolescente vem ganhando novos contornos ao longo do tempo no Brasil. A análise das escalas meso e micro foram realizadas a partir da observação direta com postura etnográfica na arena pública local. A dimensão de análise meso ocorreu nos espaços e articulação da arena pública local do SGDCA evidenciando seus principais atores-rede, relações, atribuições, mobilizações e engajamentos que ocorrem em torno do problema público. A análise da escala micro, o SGDCA é performado nas práticas diárias de trabalho dos atores-rede por meio da observação direta com postura etnográfica experiência do Conselho Tutelar da Região Norte de Florianópolis. Finalizamos a dissertação com uma análise relacionando as escalas macro, meso e micro, identificando os aspectos facilitadores e limitadores de inovações sociais para promoção da garantia de direitos da criança e do adolescente em Florianópolis.
Palavras-chave: Crianças - Condições sociais
Direitos das crianças
Administração pública - Florianópolis (SC)
Adolescentes
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ADMINISTRACAO
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade do Estado de Santa Catarina
Sigla da instituição: UDESC
Departamento: Administração
Programa: Mestrado em Administração - Acadêmico
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.udesc.br/handle/handle/73
Data de defesa: 7-Dez-2015
Aparece nas coleções:Mestrado Acadêmico - Administração

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
125770.pdf10,96 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.