Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://tede.udesc.br/handle/handle/514
Tipo do documento: Tese
Título: Controle do crescimento vegetativo e aumento da frutificação efetiva em pereira Rocha
Título(s) alternativo(s): Control of vegetative growth and increased fruit srt in Rocha pear
Autor: Muniz, Janaína 
Primeiro orientador: Kretzschmar, Aike Anneliese
Resumo: A pereira Rocha é uma cultivar portuguesa relativamente nova para o Brasil e possui grande aceitação pelo mercado consumidor. Atualmente, existem algumas dificuldades de manejo para que se possa otimizar seu cultivo, dentre elas destacam-se o excessivo vigor das plantas, a baixa frutificação efetiva e produtividade. O objetivo deste trabalho foi avaliar a eficácia agronômica de doses de Stimulate®, Promalin® e ReTain® e a prática de manejo de corte do tronco em pereira europeia Rocha enxertada sobre Pyrus calleryana, nas condições edafoclimáticas de São Joaquim, SC. Também avaliar a eficácia agronômica do uso isolado e combinado de doses do bioestimulante Stimulate® e dos fertilizantes Sett® e Hold® na frutificação efetiva, produção e qualidade de pereira Rocha enxertada sobre o marmeleiro BA 29 , nas condições edafoclimáticas de Vacaria, RS. O delineamento experimental utilizado foi de blocos ao acaso, contendo três blocos. Em São Joaquim, SC, os tratamentos de corte do tronco foram realizados no final do período de repouso vegetativo (setembro de 2011) em duas alturas do colo da planta (20 e 40 cm do solo) e duas dimensões de corte com relação ao diâmetro (½ e ⅓ do tronco); e os tratamentos com reguladores de crescimento foram realizados em diferentes estádios fenológicos (início, plena e final da floração) e em diferentes doses, aplicando-se GA4+7 + 6 BA (Promalin®) na dose de 1 mL L-1 combinado com Aminoetoxivinilglicina (ReTain®) nas doses de 0,2, 0,4, 0,6 e 0,8 g L-1. O bioestimulante Stimulate® (ácido índolbutírico 0,005 %, cinetina 0,009 % e ácido giberélico 0,005 %) foi aplicado nas doses de 1, 2 e 3 mL L-1. Em Vacaria, RS, o Stimulate® (2 mL L-1) e o Sett® (3 mL L-1) foram aplicados em plena floração e o Hold® (1 mL L-1) foi aplicado 15 dias após a plena floração. Na testemunha aplicou-se somente água (controle). Nos dois locais em estudo obtiveram-se resultados positivos para o aumento da frutificação efetiva. Pode-se inferir que, nas condições edafoclimáticas de São Joaquim, SC, a técnica de corte do tronco reduz o crescimento dos ramos do ano e proporciona aumento da frutificação efetiva e produtividade; o uso de 1 mL L-1 de Promalin® combinado com 0,6 e 0,8 g L-1 de ReTain® proporcionam maior frutificação efetiva, produção e produtividade; e o uso de Stimulate® nas doses de 2 e 3 mL L-1, independente do número de aplicações (em duas ou três épocas) proporciona maior frutificação efetiva e produção por planta de pereira Rocha enxertada sobre Pyrus calleryana. Nas condições edafoclimáticas de Vacaria, RS, o uso isolado ou combinado de Stimulate®, Sett® e Hold® não influenciam a frutificação efetiva, a produtividade e as características físico-químicas dos frutos de pereira Rocha sobre marmeleiro BA 29 nas condições edafoclimáticas de Vacaria, RS
Abstract: The Rocha1 pear is a relatively new portuguese cultivar for Brazil and has a wide acceptance in the consumer Market. Currently there are some difficulties in management so you can optmize your farming, among which standes out the excessive vigor of the plants and the low effective productivity and fruit set. the aim of this study was to evaluate the afronomic effectiveness Stimulate®, Promalin® and Retain® concentrations and the of trunk cutting practice in european Rocha pear grafted rootstock on Pyrus calleryana at conditions of São Joaquim, state Santa Catarina, Brazil and evaluate agonomic efficacy of single and combined cooncentrations of Stimulate® and Sett® and Hold® fertilizers on fruit set, yield and quality of Rcoha pear grafted on rootstock BA 29 quince at conditions of Vacaria, State Rio Grande do Sul, Brazil. The experimental design was a randomized block design with three blocks. In São Joaquim, treatments the trunk vutting were performed at the end of the dormant period (September 2011) in two Heights of the stem of each plant (20 and 40 centimeter from the ground) and two-dimensional cutting with the diameter (½ and ⅓ of the stem); and treatments with growth regulators were performed at diferente growth stages (early, full and end flowering) anda t various concentrations, applying GA₄₊₇ + BA 6 (Promalin®) at a concentration of 1 mL L¯¹ combined with Aminoethoxyvinylglycine (ReTain®) at concentrations of 0.2, 0.4 and 0.8 g L¯¹. The Stimulate® (IBA 0.005 %, 0.009 % kinetin and gibberellic acid 0.005 %) was applied at rates of 1, 2 and 3 mL L¯¹. In Vacaria, the Stimulate ® (2 mL L¯¹) and Sett® fertilizer (3 L¯¹) were applied at full blossom time and Hold® fertilizer (1 mL L¯¹ ) was applied 15 days after full bloom. In witness has applied water only (control). In both study sites were obtained for the positive controlo f vegetative growth and increased fruit set of Rocha pear. Can be inferred that, at conditions of São Joaquim, Brazil, the trunk cutting practice into 1Rocha1 pear plants on Pyrus calleryana reduces the growth of shoots and provides incresead fruit set and yield; using 1 mL L¯¹ Promalin® combined with 0.6 and 0.8 g L¯¹ of ReTain® provide more effectivefruitproduction and productivity of Rocha pear grafted on Pyrus calleryana; and using Stimulate® concentrations of 2 and 3 mL L¯¹, regardless of the number of applications (in two or three seasons) provides incresead fruit set and yield per plant Rocha pear on Pyrus calleryana. At conditions Vacarina, Brasil, the isolated application or combined use of Stimulate®, Sett® and Hold® not influence fruit set, yield and physico-chemical characteristcs of fruit pear Rocha on quince rootstock BA 29
Palavras-chave: Pyrus communis L.
reguladores de crescimento
nutrientes
corte do tronco
vigor
Pyrus communis L.
plant growth regulators
nutrients
trunk cutting
plant vigor
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade do Estado de Santa Catarina
Sigla da instituição: UDESC
Departamento: Produção Vegetal
Programa: Doutorado em Produção Vegetal
Citação: MUNIZ, Janaína. Control of vegetative growth and increased fruit srt in Rocha pear. 2014. 167 f. Tese (Doutorado em Produção Vegetal) - Universidade do Estado de Santa Catarina, Lages, 2014.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.udesc.br/handle/handle/514
Data de defesa: 12-Set-2014
Aparece nas coleções:Doutorado em Produção Vegetal

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
PGPV14DA005.pdf6,29 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.