Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://tede.udesc.br/handle/handle/498
Tipo do documento: Dissertação
Título: Efeito da postura no controle da força de preensão do membro superior não parético ao acidente vascular encefálico
Título(s) alternativo(s): Effect of posture on the control of grip strength in the non-paretic upper limb due to stroke
Autor: Silva, Fábio Santi Rosendo da 
Primeiro orientador: Borges Júnior, Noé Gomes
Primeiro coorientador: Michaelsen, Stella Maris
Resumo: Este trabalho teve como objetivo analisar a influência da condição postural sentado e em pé na adaptação do controle da força de preensão manual do membro superior não parético durante a atividade de pegar e levantar um objeto, em indivíduos com hemiparesia após acidente vascular encefálico (AVE). Foram avaliados 15 indivíduos com hemiparesia (GE) e 15 indivíduos saudáveis (GC) com idade de 57,3 ±10,17 e 55,5±11,27 anos respectivamente. Para caracterização do GE foram realizados os testes de força de preensão máxima, Fugl-Meyer, monifilamento de Semmes-Weinstein (MSW), teste de sensibilidade moving touch-pressure (MTP) e o teste de equilíbrio de BERG. Os parâmetros para o controle da força de preensão foram: força no momento de levantar o copo (FNML), pico da força de preensão (PFP), pico de velocidade (Pvel), latência (LT), força estática (FE) e diferença temporal (DT) realizado através de um copo instrumentado com um sensor de força e um acelerômetro triaxial. Os indivíduos realizaram uma tarefa de pegar e levantar um objeto uma altura pré-estabelecida, mantê-lo por um tempo e reposicioná-lo novamente a mesa realizaram 7 repetições com carga e 7 sem carga. A modulação da força de preensão nos parâmetros FNML e Pvel ocorreu de forma diferente nas posições sentado e em pé em ambos os grupos. A modulação da PFP foi diferente entre grupos. Ao levantar o objeto o GE não modulou a força de preensão em resposta a retirada do peso adicional do objeto. Para o parâmetro FE, LT e DT, não foram encontrados dados significantes. Através deste estudo foi possível verificar o possível comprometimento nos parâmetros do controle da força de preensão do membro superior não parético de indivíduos com hemiparesia.
Abstract: This study aimed to examine the influence of the postural control in the handgrip strength modulation of the non paretic upper limb during activity to pick up an object and in individuals with hemiparesis after Stroke. We evaluated 15 subjects with hemiparesis (EG) and 15 healthy subjects (CG) aged 57.3 ± 55.5 and 10.17 ± 11.27 years old respectively. To characterize the EG, tests were performed for maximum grip strength, Fugl-Meyer, Semmes-Weinstein monofilament (SWM), sensitivity test moving touch-pressure (MTP) and balance testing BERG. The parameters for the control of grip strength were: force at the time of lifting the cup (Grip lift off), peak grip force (PGF), peak velocity (Pvel), latency (LT), static force (SF) and difference time (DT), made through an instrumented glass with a force sensor and a three axial accelerometer. The subjects performed a task of picking and lifting an object at a predetermined height and keep it statically suspended for a time and reposition it back on the table. For the parameter EF, LT and DT, any significant data was found. Grip strength parameters Grip lift off, Pvel were different between positions. The grip force modulation (PGF) was different between groups. When asked to raise the object the EG didn´t modulate the grip force in response to the withdrawal additional object weight. Through this study it was possible to determine the possible involvement in the control parameters of grip strength of non-paretic upper limb of subjects with hemiparesis.
Palavras-chave: hemiparesia
membro superior não parético
controle da força de preensão
hemiparesis
non-paretic upper limb
control of grip strength
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::EDUCACAO FISICA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade do Estado de Santa Catarina
Sigla da instituição: UDESC
Departamento: Ciência do Movimento Humano
Programa: Mestrado em Ciências do Movimento Humano
Citação: SILVA, Fábio Santi Rosendo da. Effect of posture on the control of grip strength in the non-paretic upper limb due to stroke. 2011. 100 f. Dissertação (Mestrado em Ciência do Movimento Humano) - Universidade do Estado de Santa Catarina, Florianópolis, 2011.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.udesc.br/handle/handle/498
Data de defesa: 2-Mar-2011
Aparece nas coleções:Mestrado em Ciências do Movimento Humano

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
Fabio.pdf1,3 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.