Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://tede.udesc.br/handle/handle/214
Tipo do documento: Dissertação
Título: A responsabilidade social na indústria catarinense: uma análise a partir da teoria institucional e da visão baseada em recursos
Autor: Geneves, Simone Lino
Primeiro orientador: Alperstedt, Graziela Dias
Resumo: O objetivo deste trabalho consiste em analisar os aspectos limitadores e motivadores das estratégias de responsabilidade social nas indústrias catarinenses. A população alvo da pesquisa foi composta inicialmente por 103 empresas, contudo, dadas as limitações apresentadas no item 3.5 do capítulo 3, o questionário elaborado para a coleta dos dados primários foram respondidos por 16 empresas e analisados quantitativamente por meio da análise descritiva, correspondência múltipla e coeficiente de correlação de Pearson e teste de Fisher. O estudou apontou que as principais práticas adotadas pelas empresas estão relacionadas com os stakeholders fornecedores e público interno e metade das pesquisadas consideram a responsabilidade social e o desenvolvimento sustentável fatores determinantes de vantagem competitiva. A pesquisa também revelou que o principal aspecto limitador na tomada de decisão sobre as práticas de responsabilidade social das empresas é a escassez de recursos financeiros e o principal motivador é a pressão por parte da legislação e regulação correlatas, o que sugere uma tendência de resposta às forças coercitivas do ambiente. As teorias que subsidiaram as conclusões da pesquisa foram a Teoria Institucional e a Visão Baseada em Recursos. A Teoria Institucional explica que nem todas as ações organizacionais são decorrentes de processos meramente racionais, o que significa dizer que a teoria cognitiva mostra-se em contraposição da concepção racionalista da ação. A Visão Baseada em Recursos, por sua vez, trata das questões relacionadas ao conjunto singular de recursos da empresa disponíveis e utilizados em busca do alcance de vantagem competitiva e de vantagem competitiva sustentável
Abstract: The aim of this study is to examine aspects of the motivators and constraints of social responsibility strategies in industries in Santa Catarina. The target population for this research was initially composed of 103 companies, however, given the constraints presented in section 3.5 of Chapter 3, the questionnaire for collecting primary data were answered by 16 companies and analyzed quantitatively by means of descriptive analysis, multiple correspondence and Pearson's correlation coefficient test and Fisher. The studied showed that the main practices adopted by firms are related to internal stakeholders and suppliers and the public half of those surveyed consider the social responsibility and sustainable development determinants of competitive advantage. The survey also revealed that the main limiting aspect in decision making about the practices of corporate social responsibility is the scarcity of financial resources and the main driver is the pressure from legislation and regulation related, suggesting a tendency to respond to forces coercive environment. The theories that supported the conclusions of the research were the Institutional Theory and the Resource Based View. Institutional Theory explains that not all organizational actions are due purely rational process, which means that the cognitive theory shows itself in opposition to the rationalist conception of action. The Resource Based View, in turn, deals with issues related to the unique set of company resources available and used in pursuit of achieving competitive advantage and sustainable competitive advantage
Palavras-chave: Responsabilidade social
Fatores motivadores e limitadores
Práticas de responsabilidade social
Teoria institucional
Visão baseada em recursos
Responsabilidade social da empresa Santa Catarina
Planejamento de recursos de manufatura
Social responsibility
Motivating factors and constraints
Social responsibility practices
Institutional theory
Resource based view
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ADMINISTRACAO
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade do Estado de Santa Catarina
Sigla da instituição: UDESC
Departamento: Administração
Programa: Mestrado em Administração - Profissionalizante
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.udesc.br/handle/handle/214
Data de defesa: 31-Mai-2011
Aparece nas coleções:Mestrado Profissional - Administração

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
Simone.pdf2,1 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.