Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://tede.udesc.br/tede/handle/1461
Tipo: Dissertação
Título: Adaptação transcultural, validação e confiabilidade da escala PROFILE PD: Profile of function and inpairment level experience with Parkinson Disease
Título(s) alternativo(s): Transcultural adaptation, validity and reliability of PROFILE PD scale: Profile of function and inpairment level experience with Parkinson Disease
Autor(es): Fontana, Samanta Rattis Canterle Bez
Primeiro Orientador: Swarowsky, Alessandra
Resumo: A escala PROFILE PD foi desenvolvida especificamente para avaliar pacientes com Doença de Parkinson (DP) dentro dos contextos da Classificação Internacional de Funcionalidade (CIF), sendo diretamente aplicada à prática fisioterapêutica. O objetivo do presente estudo foi realizar a tradução e adaptação transcultural da escala PROFILE PD para a Língua Portuguesa-Brasil, e analisar sua confiabilidade, validade e outras propriedades psicométricas. Trinta e três indivíduos com DP participaram do estudo. Foram avaliadas: a clareza da versão brasileira da escala por fisioterapeutas, a presença de efeito piso e teto, as confiabilidades inter-avaliador e teste-reteste, além da validade discriminante, validade concorrente, consistência interna, e a mínima mudança detectável (MDC). O nível de entendimento de profissionais fisioterapeutas demonstrou alta clareza da escala. Considerando o escore total, as confiabilidades inter-avaliador e teste-reteste apresentaram um coeficiente de correlação intra-classe (CCI) igual a 0,74 e 0,99 respectivamente. A análise da validade concorrente demonstrou a correlação de Spearman entre a versão brasileira da PROFILE PD e a UPDRS ρ=0,87. A ANOVA oneway mostrou que a versão brasileira da PROFILE PD pode discriminar o indivíduo com DP entre os estágios leve e moderado, e leve e grave. Uma alta consistência interna foi encontrada (α=0,90). A MDC foi de 2,41 pontos, e não foi encontrado efeito piso e teto. A versão brasileira da PROFILE PD é um instrumento válido e confiável capaz de quantificar alterações na estrutura e função corporal e limitações de atividade e participação nos estágios leve e moderado da DP, fornecendo um perfil do impacto da doença nestes contextos, sendo diretamente aplicável à prática fisioterapêutica.
Abstract: The PROFILE PD scale was developed specifically to evaluate patients with Parkinson‟s disease (PD) within the contexts surrounding the International Classification of Functioning, Disability and Health, being directly applied to physical therapy practice. The aim of this study was to perform the translation and cross-cultural adaptation of PROFILE PD scale to Portuguese-Brazil, and to analyze its reliability, validity and other psychometric properties. Thirty three individuals with PD participated in the study. We assessed the clarity of the Brazilian version of the scale assessed by physiotherapists, presence of floor and ceiling effects, inter-rater and test-retest reliabilities, in addition to discriminant validity, concurrent validity (UPDRS), internal consistency, and minimal detectable change (MDC). The understanding level of physical therapists showed high clarity of the scale. Considering total score, the inter-rater and test-retest reliability showed an intra-class correlation coefficient (ICC) of 0.74 and 0.99 respectively. The analysis of concurrent validity showed the Spearman correlation between PROFILE PD Brazilian version and UPDRS with ρ=0.87. ANOVA oneway showed that PROFILE PD Brazilian version is able to discriminate the subject with PD in mild and moderate stages, and in mild and severe stages. A high internal consistency was found (α=0.90). MDC was 2.41 points and there were no floor and ceiling effects. So, the Brazillian version of PROFILE PD is a reliable and valid instrument that can be used to quantify impairments in body structure and function and limitations of activity and participation in early and mild-stages of PD and can provide an overall summary of the impact of disease being useful for physiotherapeutic practice.
Palavras-chave: PROFILE PD
propriedades psicométricas
fisioterapia
doença de Parkinson
PROFILE PD
psychometric properties
physiotherapy
Parkinson&#8223
s disease
CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::FISIOTERAPIA E TERAPIA OCUPACIONAL
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade do Estado de Santa Catarina
Sigla da Instituição: UDESC
metadata.dc.publisher.department: Avaliação e intervenção em fisioterapia
metadata.dc.publisher.program: Mestrado em Fisioterapia
Citação: FONTANA, Samanta Rattis Canterle Bez. Transcultural adaptation, validity and reliability of PROFILE PD scale: Profile of function and inpairment level experience with Parkinson Disease. 2014. 2 f. Dissertação (Mestrado em Avaliação e intervenção em fisioterapia) - Universidade do Estado de Santa Catarina, Florianópolis, 2014.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.udesc.br/handle/handle/1461
Data do documento: 28-Ago-2014
Aparece nas coleções:Mestrado em Fisioterapia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
RESUMO Samanta Rattis.pdf130,38 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.