Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://tede.udesc.br/handle/handle/1446
Tipo do documento: Dissertação
Título: O pensamento histórico dos jovens sobre movimentos de resistência à escravidão e os usos dos livros didáticos de história (2001-2011)
Título(s) alternativo(s): The historic thinking of young people about the acts of resistance to slavery and the use of didactic History books. (2001 2011)
Autor: Alamino, Caroline Antunes Martins 
Primeiro orientador: Silva, Cristiani Bereta da
Resumo: A dissertacao apresentada problematiza o pensamento historico de estudantes do Ensino Fundamental com o objetivo de contribuir com as reflexoes sobre os processos relativos a elaboracao da consciencia historica de jovens. As analises privilegiaram as compreensoes e interpretacoes dos usos do livro didatico de Historia de um grupo de estudantes sobre o tema ¿movimentos de resistencia a escravidao afro-brasileira. abordados em seus livros didaticos e as possiveis apreensoes externas ao ambiente escolar que contribuem para formacao do pensamento historico dos estudantes. Nesse sentido, a pesquisa apresentada deve ser tomada como um estudo de caso em que se privilegiaram os usos de uma colecao didatica de livros de Historia em duas turmas de Ensino Fundamental em uma escola municipal de Florianopolis. Foram analisados como documentos a legislacao vigente sobre livros didaticos, buscando compreender a historia e os usos dos livros didaticos no presente, a colecao Historia, Sociedade e Cidadania que estava sendo utilizada pelos estudantes, questionarios e entrevistas orais realizadas com os estudantes, sujeitos dessa pesquisa. Na colecao, buscou-se identificar as abordagens sobre escravidao e movimentos de resistencia a escravidao no Brasil. Foram realizadas entrevistas orais com os jovens com o objetivo de compreender aspectos relacionados aos processos de significancia historica a partir dos usos dos livros didaticos e influencias externas. A consciencia historica possivel de ser problematizada a partir dessas elaboracoes permitiu constatar a diversidade de construcoes e reflexoes que os proprios estudantes realizam sobre o papel e a influencia do livro didatico de Historia nas escolas. Ao final da pesquisa, foi possivel obter resultados que nos convidam a pensar sobre preconceitos raciais arraigados no discurso dos estudantes independente dos usos do livro didatico e processos de aprendizagem que os contradigam. Essa pesquisa tambem evidenciou em seus resultados a consciencia dos estudantes de que o livro didatico de Historia pode fazer uma abordagem mais critica e direta quanto a relacao de movimentos de resistencia a escravidao com os preconceitos raciais na atualidade
Abstract: The presented dissertation discusses the historical thinking of elementary school students with the objective to contribute to the reflections about relative process related to development of youth historical consciousness. The analysis privileged the understandings and interpretations of the use of didactic History books from a group of students about the theme ―acts of resistance to African-Brazilian slavery‖ mentioned in their didactic books and the possible external apprehensions to the academic environment that contributes for the formation of student s historic thought. In this meaning, the presented search must be taken as a case study where the using of a didactic History books collection of two classes of Elementary School in a municipal school of Florianopolis. They have been analyzed as documents of legislation about didactic books, looking for understand the History and the using of didactic books nowadays, the collection ―História, Sociedade e Cidadania‖ it has been used for the students, and oral questions and interviews with the students, subject of this search. In this collection, sought to identify the approaches on slavery and the acts of resistance to the slavery in Brazil. Oral interviews were done with the students aiming the understanding at aspects related to the process of historic significance from the using of didactic books and external influence. The possible historic consciousness can be problematized from these elaborations allowed find the variety of constructions and reflections that the students do about the function and the influence of the didactic History book at schools. In the end of this search, it was possible to get results that invite us to think about racial prejudices rooted in the speech of independent students about the using of the didactic book and the learning process that contradict themselves. This search also showed in its results that the student s consciousness about didactic History book can do an approach more critical and direct than the relation acts of resistance to slavery with the racial prejudice nowadays.
Palavras-chave: Livros didáticos
Escravidão
História - Estudo e ensino
Consciência histórica
Didactic Book
Slavery
Historic Consciousness
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::HISTORIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade do Estado de Santa Catarina
Sigla da instituição: UDESC
Departamento: História
Programa: Mestrado em História
Citação: ALAMINO, Caroline Antunes Martins. The historic thinking of young people about the acts of resistance to slavery and the use of didactic History books. (2001 2011). 2013. 126 f. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade do Estado de Santa Catarina, Florianópolis, 2013.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.udesc.br/handle/handle/1446
Data de defesa: 28-Fev-2013
Aparece nas coleções:Mestrado em História

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
caroline.pdf1,37 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.