Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://tede.udesc.br/handle/handle/1243
Tipo do documento: Dissertação
Título: Efeito do raleio de cachos na qualidade dos frutos da videira Cabernet Sauvignon produzida na Serra Catarinense
Título(s) alternativo(s): Effect of veraison cluster thinning on quality of cabernet sauvignon grapevine produced in high altitude regions of Santa Catarina State
Autor: Penter, Felipe 
Primeiro orientador: Rufato, Leo
Resumo: Devido à importância social e econômica do Cabernet Sauvignon no processo da expansão da área cultivada na região da Serra Catarinense, hoje com mais de 150 hectares implantados, e à pouca disponibilidade da informação com relação à evolução do maturação e da caracterização da uva realizou-se este trabalho. O experimento foi realizado na Vinícola Villa Francioni, na safra de 2005 com 800 plantas marcadas previamente de um vinhedo de cabernet - sauvignon formado em 2001 sobre um porta enxerto Paulsen 1103. O vinhedo foi conduzido no sistema no tipo trellis de Y e o espaçamento entre as plantas estavam de 1.2 m e entre fileiras de 3.0 m. O acompanhamento da maturação foi feito com cinco coletas realizadas nas datas de 28/02/05, de 07/03/05, de 14/03/05, de 21/03/05 e de 28/03/05. O experimento consiste no raleio de cachos ao nível de 6, 9, 12, 15 cachos por planta e mais a testemunha sem raleio com os grupos ±18 cachos por planta, dando uma produção aproximadamente de 2360, 3530, 4700, 5880, e 7060 kg ha-1respectivamente. Para SST, os tratamentos 6, 9, 12, e 15 cachos /planta tiveram uns valores maiores o tratamento testemunha, e para Fenóis totais e Acidez total não teve a diferença entre os tratamentos. Para o pH do mosto, os valores observados acima de 3.7 para todos os tratamentos, o que não é desejável, indicou a possibilidade para antecipar a colheita em uma semana. Para o peso das bagas, o tratamento com 15 cachos/planta teve uma correlação linear crescente; nos outros tratamentos uma diminuição do peso das bagas é observada a partir da data da 4°coleta, indicada pela equação polinomial do grau 2°. Um comportamento similar foi observado para os índices da antocianina, onde apenas o tratamento com 9 grupos propiciou um aumento nos índices da antocianinas que a partir da 4° coleta. Os resultados indicam que o raleio de cachos não apresentou diferença significativa no teor de antocianina, solúveis totais, acidez total e taninos nos cachos remanescentes
Abstract: Due to the social economical importance of the Cabernet Sauvignon in the processo f expansion of the cultivated área in the mountain region of Santa Catarina, today with more than 150 implanted hectares, and the little availability of information in relation to the maturation evolution and the characterization of the grape, the presente work took place in the headquarters of the Villa Francioni Vineyards, in the crop of 2005 with 800 pnats previously marked of a vineyard of Cabernet Sauvignon formed in 2001 grafted on Paulsen 1103. The vineyard was conducted in the system in Y type trellis and the spacing between the plants was of 1,5 m and between rows of 3,0 m. the accompaniment of maturation was made with five samplings in the dates of 28/02/05, 07/03/05, 14/03/05, 21/03/05 and 28/03/05. The treatments were the thinning of bunches at the level of 6, 9, 12, 15 bunches by plant and more the witness without thinning with +- 18 bunches, giving a forecast production of 2360, 3530, 4700, 5880, and 7060 kgha¯¹ respectively. For TSS, the 6, 9, 12, and 15 bunches had greater vakues than the treatment without thinning, and for total phenols and acidity it didn t have difference among the treatments. For the pH of the juice, starting from the 4° collection date, it was observed values above 3,7 for all the treatments, what is not desirable, indicating the possibility to anticipate the crop in one week. For berries weight, the treatment with 15 bunches had a growing lineal correlation; in the other treatments a decrease of the berries weight is observed starting from the 4° collection date, indicated by the polynomial equation of 2° degree. A similar beavior was observed for the anthocyanin contentes, where just the anthocyanin contentes, where just the treatment with 9 bunches propitiated na increase in the anthocyanin contentes starting from the 4° date. The results indicate that thecluster thinning did not presente significant difference in the anthocyanin text, soluble totals, total acidity and tanning barks in the remaining clusters
Palavras-chave: Uva - Variedades
Uva - Raleio
Taninos
Grape - Varieties
Grape - Thinning
Tannins
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade do Estado de Santa Catarina
Sigla da instituição: UDESC
Departamento: Produção Vegetal
Programa: Mestrado em Produção Vegetal
Citação: PENTER, Felipe. Effect of veraison cluster thinning on quality of cabernet sauvignon grapevine produced in high altitude regions of Santa Catarina State. 2006. 74 f. Dissertação (Mestrado em Produção Vegetal) - Universidade do Estado de Santa Catarina, Lages, 2006.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.udesc.br/handle/handle/1243
Data de defesa: 30-Ago-2006
Aparece nas coleções:Mestrado em Produção Vegetal

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
PGPV06MA015.pdf446,71 kBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.