Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://tede.udesc.br/handle/handle/123
Tipo do documento: Dissertação
Título: Princípios e indicadores ambientais nos relatórios de sustentabilidade das empresas de energia elétrica de Santa Catarina : uma análise baseada na Global Reporting Initiative (GRI)
Título(s) alternativo(s): Analysis of the use of Global Reporting Initiative in sustainability reporting of companies in the power generation sector of Santa Catarina
Autor: Roumeliotis, Letícia Palma Camargo 
Primeiro orientador: Alperstedt, Graziela Dias
Resumo: O objetivo deste estudo foi analisar os princípios e os indicadores ambientais apresentados pelas empresas de geração de energia elétrica de Santa Catarina nos seus relatórios de sustentabilidade em relação aos requisitos da GRI. Inicialmente buscou-se conhecer a GRI e os seus indicadores ambientais. Em seguida, foram selecionadas as empresas de geração de energia elétrica do tipo UHE (Usina Hidrelétrica) que participariam da pesquisa. Em função dos critérios de seleção utilizados, permaneceram no estudo somente quatro relatórios de sustentabilidade, referentes às seguintes empresas: Tractebel Energia, Celesc, BAESA e Consórcio Machadinho e Maesa. Posteriormente, foi verificado se os princípios estabelecidos pela GRI estavam presentes nos relatórios de sustentabilidade das empresas. Para isso, utilizou-se o conjunto de testes com fatores de relevância propostos pela própria GRI. Para tratar os dados coletados adotou-se a metodologia da Análise de Conteúdo e para auxiliar na análise o software Atlas. ti foi escolhido. Após, buscou-se identificar o grau de aderência das empresas aos indicadores ambientais essenciais da GRI. Inicialmente, fez-se uma comparação do que a empresa informou sobre o indicador de desempenho ambiental da GRI com o que o protocolo da GRI previa para aquele indicador. Em seguida, fez-se o cálculo do grau de aderência aos indicadores essenciais da GRI utilizando-se uma fórmula desenvolvida por Dias, Siqueira e Rossi (2006). A análise dos resultados demonstrou que os relatórios das empresas pesquisadas apresentam trechos de texto correspondentes à maioria dos fatores de relevância vinculados aos princípios da GRI, tanto aos princípios de conteúdo quanto aos de qualidade. Outras constatações demonstram que o nível de aplicação da Estrutura de Relatórios influencia no atendimento aos princípios e que as fases de amadurecimento em relação ao uso dos indicadores refletem-se no uso dos princípios. Quanto ao grau de aderência, verificou-se que a Tractebel Energia foi classificada como a primeira no ranking de aderência aos indicadores ambientais essenciais da GRI, seguida pela Celesc, BAESA e Consórcio Machadinho e Maesa. Frente ao exposto, conclui-se que a aplicabilidade da estrutura de relatório da GRI ainda precisa evoluir bastante para que os stakeholders possam ter acesso ao real nível de responsabilidade econômica e socioambiental das organizações.
Abstract: The aim of this study was to analyze the principles and environmental indicators presented by the generation of electricity from Santa Catarina companies in their sustainability reports and that they meet the requirements of GRI. Initially we sought to know the GRI and its environmental indicators. Then, companies generating electricity type HPP (HPP) to participate in the research were selected. Depending on the selection criteria used, only four remained in the study sustainability reports for the following companies: Tractebel Energia, CELESC, BAESA and Machadinho Consortium and Maesa. Next, we determined whether the principles established by the GRI were present in sustainability reports of companies. For this, we used the set of tests relevant factors proposed by the GRI. To process the data collected adopted the methodology of content analysis and to assist in analyzing the Atlas.ti software was chosen. Subsequently, we sought to identify the level of compliance by enterprises to key environmental indicators of the GRI. Initially, there was a comparison of what the company informed about the environmental performance indicator of what the GRI protocol provided for that indicator. Then calculate the extent of the essential GRI indicators using a formula developed by Dias. Siqueira e Rossi. (2006. The results showed that the reports of the companies surveyed have snippets corresponding to most relevant factors related to the GRI principles, the principles of both the content and quality text. Other findings show that the level of application of the Reporting Framework influence at the principles and stages of maturity in relation to the use of indicators reflected in the use of the principles. The degree of compliance, it was found that Tractebel Energia was ranked first in the ranking of the core environmental indicators GRI, followed by CELESC, BAESA and Machadinho Consortium and Maesa grip. Based on these, we conclude that the applicability of the GRI reporting framework still needs to evolve enough so that stakeholders can have access to the actual level of economic, social and environmental responsibility of organizations.
Palavras-chave: Desenvolvimento sustentável
Indicadores ambientais
Sustentabilidade
Setor de energia elétrica
Global Reporting Initiative
Sustainable Development
Environmental indicators
Sustainability
Electric Power Industry
Global Reporting Initiative
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ADMINISTRACAO
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade do Estado de Santa Catarina
Sigla da instituição: UDESC
Departamento: Administração
Programa: Mestrado em Administração - Profissionalizante
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.udesc.br/handle/handle/123
Data de defesa: 23-Abr-2014
Aparece nas coleções:Mestrado Profissional - Administração

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
118386.pdf3,48 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.