Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://tede.udesc.br/handle/handle/1216
Tipo do documento: Dissertação
Título: Intensidade de Mancha de Glomerella em macieira com a aplicação de inibidores da síntese e ação do etileno
Título(s) alternativo(s): Glomerella spot intensity with the application of inhibitors of ethylene synthesis and action in apple
Autor: Baldin, Bruna Moreira Schrammel 
Primeiro orientador: Amarante, Cassandro Vidal Talamini do
Resumo: O aumento na cadeia produtiva da maçã levou-nos a alguns problemas, pois a maturação dos frutos se encontra em um curto período de tempo. Como alternativa, utiliza-se inibidores da síntese (aminoetoxivinilglicina; AVG) e ação (1-metilciclopropeno; 1-MCP) do etileno, que possibilitam o escalonamento da colheita e reduzem a queda pré-colheita de maçãs. Porém, o AVG, segundo alguns estudos, tem ocasionado o aumento da suscetibilidade das folhas a Mancha de Glomerella (MFG). Portanto, este trabalho teve como objetivo verificar se há uma relação direta dos compostos AVG e 1-MCP sobre o desenvolvimento do patógeno causador da MFG; avaliar o efeito do tratamento pré-colheita com AVG e 1-MCP na suscetibilidade de macieiras Gala a MFG; e comparar a resposta da aplicação pré-colheita de AVG e 1-MCP em folhas de macieira Gala , na ocorrência de MFG e de doenças pós-colheita nos frutos. O estudo foi realizado em Vacaria-RS na safra 2013/2014. Nos experimentos in vitro, determinou-se as unidades formadoras de colônia (UFC) e o crescimento micelial com tratamentos de AVG e 1-MCP, ambos nas concentrações 0, 10, 30, 90 e 270 mg i.a L-1. Nos frutos, folhas destacadas e plântulas aplicou-se os compostos de AVG (125 mg i.a L-1) e 1-MCP (150 mg i.a L-1), dois dias antes e dois dias após a inoculação. Os frutos foram armazenados por 15 dias em câmara BOD a 22 ± 2 °C, e avaliados quanto ao número de lesões/fruto. As folhas destacadas e plântulas foram mantidas por 24 horas em câmara úmida após a inoculação, e avaliadas quanto à incidência e severidade da doença no sétimo dia após inoculação. Em mudas de macieira Gala , sobre porta-enxerto EM9, com um ano de idade, os tratamentos foram realizados dois dias antes da inoculação com o patógeno, sendo utilizado os compostos AVG e 1-MCP, ambos nas doses 125 e 250 mg i.a L-1. Avaliou-se a incidência e severidade de MFG aos 7, 9, 12, 14, 16 e 19 dias após inoculação. Para a avaliação do efeito do AVG e 1-MCP no campo, utilizou-se dois pomares, um de três anos de idade e outro de 15 anos de idade, sendo que a aplicação de ambos os compostos se deu em duas concentrações, 125 e 250 mg i.a L-1, realizadas em dois estádios fenológicos, sendo eles aos 28 e 7 dias antes da data prevista para a colheita. Avaliou-se a incidência e severidade da doença quinzenalmente, durante os meses de janeiro a maio de 2014. A utilização dos compostos AVG e 1-MCP não interferiram no desenvolvimento da colônia em condições in vitro. Nos frutos a utilização dos compostos inibidores da síntese/ação do etileno, proporcionou um aumento na incidência da doença, quando a aplicação antecedeu a inoculação. Houve uma maior incidência da MFG, quando a inoculação ocorre após a aplicação do AVG. O 1-MCP apresentou níveis menores de severidade de MFG em relação ao AVG. A utilização no pomar de AVG e 1-MCP na safra de 2013/2014 não provocou um aumento significativo na incidência e severidade de MFG, devido às condições climáticas não favoráveis para a ocorrência da doença
Palavras-chave: Colletotrichum spp.
Aminoetoxivinilglicina
1-Metilciclopropeno
Malus domestica
etileno
Colletotrichum spp.
Aminoethoxyvinylglycine
1-Methylcyclopropene
Malus domestica
ethylene
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade do Estado de Santa Catarina
Sigla da instituição: UDESC
Departamento: Produção Vegetal
Programa: Mestrado em Produção Vegetal
Citação: BALDIN, Bruna Moreira Schrammel. Glomerella spot intensity with the application of inhibitors of ethylene synthesis and action in apple. 2014. 62 f. Dissertação (Mestrado em Produção Vegetal) - Universidade do Estado de Santa Catarina, Lages, 2014.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.udesc.br/handle/handle/1216
Data de defesa: 12-Dez-2014
Aparece nas coleções:Mestrado em Produção Vegetal

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
PGPV14MA170.pdf509,78 kBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.