Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://tede.udesc.br/handle/handle/1123
Tipo do documento: Dissertação
Título: Distribuição temporal e espacial de danos de grandes lagartas em pomar de macieira
Título(s) alternativo(s): Temporal and spatial distribution damage of "big caterpillars" in apple orchard
Autor: Nunes, Janete Cardoso 
Primeiro orientador: Boff, Mari Inês Carissimi
Resumo: Pomares de macieira do Sul do Brasil são atacados por uma grande diversidade de organismos ao longo do ciclo da cultura e atenção especial deve ser dada aos insetos-praga. Os danos causados por grandes lagartas vêm causando preocupação no setor produtivo, e a pesquisa com métodos alternativos de controle para tais insetos ainda é incipiente. O estudo foi realizado na Estação Experimental de Fruticultura de Clima Temperado (EFCT) da Embrapa Uva e Vinho, em Vacaria-RS. Teve por objetivos identificar as espécies de lepidópteros ocorrentes em pomar de macieira; estabelecer a flutuação e determinar índices populacionais ao longo da safra; verificar a redução de danos de grandes lagartas ; obter a distribuição espacial do dano em pomar de macieira e estudar o efeito de diferentes dietas naturais sobre o desenvolvimento de Physocleora dimidiaria (Guenée, 1852) (Geometridae), uma espécie pertencente ao grupo das grandes lagartas . Foram instaladas três armadilhas luminosas adaptadas do modelo Luiz de Queiroz , de outubro de 2010 e março de 2011, em pomar da cultivar Fuji. A retirada dos insetos ocorreu duas vezes por semana, o material coletado foi armazenado em sacos plásticos etiquetados e levado até o laboratório para triagem. As mariposas foram identificadas por comparação, com base em exemplares existentes na coleção entomológica da EFCT. Os exemplares não identificados foram enviados a especialistas. Foi determinada a riqueza de espécies, os índices de diversidade, constância e dominância. Avaliou-se a incidência e a distribuição espacial do dano de grandes lagartas em frutos nos períodos de raleio, pré-colheita e colheita. Calculou-se a média (x), a variância (s2) para cada ocasião de amostragem e os índices de dispersão I, Morisita, binomial negativa e Poisson. Foram registradas 40 espécies de lepidópteros pertencentes às famílias: Arctiidae, Geometridae e Noctuidae. Os danos de grandes lagartas apresentaram padrão de dispersão definido pela agregação no raleio e pré-colheita e regular na colheita. As armadilhas luminosas podem ser utilizadas para levantamento de diversidade de espécies e monitoramento, porém, não foram eficientes para controlar os danos de grandes lagartas em pomar de macieira. Foi avaliado em laboratório o efeito de diferentes dietas naturais sobre o desenvolvimento de P. dimidiaria. Setenta lagartas foram acompanhadas até a geração F1 em estufa incubadora BOD, em cada dieta natural: Trifolium repens L. (trevo-branco), Rumex obtusifolius (língua-de-vaca), folhas de Malus domestica (macieira) e frutos de macieira cultivar gala. Os dados da tabela de vida e de fertilidade obtidos para a P. dimidiaria indicaram que o tempo de uma geração foi de 49,09 dias em T. repens; de 60,04 dias (folhas de macieira) e de 50,17 dias em R. obtusifolius. A taxa líquida de reprodução foi maior em lagartas alimentadas com R. obtusifolius correspondendo a 183,60 vezes, a cada geração
Abstract: Apple orchards in southern Brazil are attacked by a great diversity of organisms throughout the crop cycle and special attention should be given to insect pests. The damage caused by "big caterpillars" has caused concern in the productive sector, and research on alternative methods of control for these insects is still incipient. The study was conducted at the Estação Experimental de Fruticultura de Clima Temperado (EFCT) da Embrapa Uva e Vinho, em Vacaria-RS. Its objective was to identify the species of Lepidoptera occurring in apple orchards; establish and determine the floating population indices during the crop; check harm reduction "big caterpillars" to obtain the spatial distribution of damage in apple orchards and study the effect of different diets on the development of natural Physocleora dimidiaria (Guenée, 1852) (Geometridae), a species belonging to the group of "big caterpillars." Light traps were installed three of the adapted model "Luiz de Queiroz", October 2010 and March 2011, Fuji orchard. The removal of insects occurred twice a week, the collected material was stored in labeled plastic bags and taken to the laboratory for screening. The moths were identified by comparison, based on specimens in the entomological collection of existing EFCT and the unidentified specimens were sent to specialists. We determined the species richness, diversity indexes, constancy and dominance. We evaluated the incidence and spatial distribution of damage "big caterpillars" in the periods of fruit thinning, pre-harvest and harvest. We calculated the mean (x), variance (s2) for each occasion of sampling and dispersion indexes I, Morisita, negative binomial and Poisson. We recorded 40 species belonging to the families of Lepidoptera: Arctiidae, Geometridae and Noctuidae. Damage to the "big caterpillars" presented dispersion pattern defined by aggregation in the thinning and pre-harvest and regular harvesting. The light traps can be used to survey and monitor species diversity, however, were not effective to control the damage of "big caterpillars" in apple orchard. Was evaluated in the laboratory the effect of different diets on the natural development of P. dimidiaria. Seventy larvae were observed until the F1 generation in BOD incubator at each natural diet: Trifolium repens L. (white clover), Rumex obtusifolius (tonguein- cow), Malus domestica (apple leaves) fruit and apple cultivar Gala. Data in the table of life and fertility obtained for P. dimidiaria indicate that a generation time was 49.09 days in T. repens; of 60.04 days (apple leaves) and 50.17 days in R. obtusifolius. The net reproductive rate was higher in caterpillars fed on R. obtusifolius times corresponding to 183.60, with each generation
Palavras-chave: malus sp.
grandes lagartas
diversidade de espécies
distribuição espacial
insetos-praga.
malus sp
big caterpillars
species diversity
spatial distribution
insect pests
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade do Estado de Santa Catarina
Sigla da instituição: UDESC
Departamento: Produção Vegetal
Programa: Mestrado em Produção Vegetal
Citação: NUNES, Janete Cardoso. Temporal and spatial distribution damage of "big caterpillars" in apple orchard. 2011. 73 f. Dissertação (Mestrado em Produção Vegetal) - Universidade do Estado de Santa Catarina, Lages, 2011.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://tede.udesc.br/handle/handle/1123
Data de defesa: 29-Ago-2011
Aparece nas coleções:Mestrado em Produção Vegetal

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
PGPV11MA077.pdf8,52 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.